Super Banner
Eventos
feed   Você está em: Eventos de Música
A+ | a-
Circuito Instrumental  encerra quarta edição com shows no Cruzeiro
Livre

Galeria de Vídeos do Brasília Web

Publicado em: 18/05/2017 pela equipe do Brasília Web

Circuito Instrumental encerra quarta edição com shows no Cruzeiro

Sábado, 27 de maio, projeto traz shows de Dona Gracinha da Sanfona, George Lacerda e Grupo Sai da Frente.

   

Local: Coreto da quadra 1303 do Cruzeiro
Data: 27/05/2017

A caravana do IV Circuito Instrumental Itinerante chega ao final da edição 2017. No dia 27 de maio, o projeto chega ao Cruzeiro com shows de três representantes de peso da música popular no Distrito Federal: Dona Gracinha da Sanfona, o compositor, cantor e instrumentista George Lacerda e o grupo Sai da Frente.

Música, teatro e circo de rua, cultura popular, sustentabilidade ambiental e acessibilidade são os pilares do IV Circuito Instrumental Itinerante que passou por Sobradinho, Planaltina, Ceilândia, Brasília e Vila Telebrasília. Um projeto transformador e inclusivo com shows e oficinas em feiras, praças, hospitais, escolas públicas e escolas de deficientes.

"O projeto incorpora temas aliados à inclusão social e sustentabilidade , reúne grandes artistas com o objetivo de formar plateia para apreciar a música instrumental, a cultura popular, o teatro e o circo de rua, promove formação e qualificação para crianças e adolescentes, estimula a musicoterapia com apresentações em hospitais e traz à tona a importância da sustentabilidade ambiental por meio de oficinas de permacultura e hortas comunitárias em escolas públicas", comenta a idealizadora do projeto, Lorena Oliveira, diretora do Beco da Coruja Produções.

Diversidade Musical

Artista com carisma e personalidade ímpar, Dona Gracinha da Sanfona abre a programação com seu Forró Pé de Serra. A sanfoneira, que é exemplo de superação recebeu recentemente o Prêmio FAC da Secretaria de Cultura do Distrito Federal, na categoria Equidade de Gênero na Cultura. Acompanham Dona Gracinha os músicos Flávio Leão (zabumba), Chico Rosa (triângulo) e Gabriel Lourenço (voz e violão). Nascida em 1943, na cidade de Floriano (PI), Maria Vieira da Silva, a “Dona Gracinha”, começou a tocar gaita de boca aos sete anos de idade, incentivada por um tio que era músico. Depois passou para o pandeiro, mas logo se interessou pela sanfona. Com dezoito anos de idade, já tocava em bailes e festas em sua cidade natal. Na década de setenta, veio para Brasília, e desde então marca presença no cenário cultural da cidade realizando shows, apresentações em eventos de cultura popular, casas noturnas, bares e festas locais. Seu repertório é bastante eclético, contemplando além do forró, xote, baião, coco, xaxado e frevo. Dona Gracinha também toca choro, seresta, marchinhas de carnaval, música caipira, tango e bolero. Sem contar com as suas próprias composições que transitam por vários desses estilos.

Na sequencia, o grupo “Sai da Frente” valoriza a inovação, explorando a originalidade na execução das músicas e nos improvisos. Victor Angeleas (bandolim) e Vinicius Vianna (violão), seus fundadores, integraram vários outros grupos desde 2003, entre eles o “Pé na Tábua” e o “Conjunto Refinado”. O grupo “Sai da Frente” foi semifinalista do “Festival Furnas” de novos Talentos em 2008. Com a entrada de Júnior Viégas neste mesmo ano e Nelsinho Serra em 2010, o grupo tomou forma definitiva e reuniram composições próprias com arranjos refinados. Seu objetivo é superar limites de gêneros e estilos, contribuindo para a construção e a divulgação da genuína música instrumental brasileira. O repertório concentra composições autorais, além de clássicos do Choro e dos maiores compositores brasileiros. Dentre eles: Jacob do Bandolim, Waldir Azevedo, Pixinguinha, Ernesto Nazareth, Luiz Gonzaga, Tom Jobim e Edu Lobo, entre outros. O grupo Sai da Frente, hoje, é composto pelos músicos Victor Angeleas (bandolim), Vinicius Vianna (violão de 7 cordas), Nelsinho Serra (cavaquinho) e Junior Viegas (pandeiro).

George Lacerda é um músico versátil que atua no cenário brasiliense há 15 anos como cantor e percussionista. Samba, forró, carimbó, maracatu, MPB e samba-rock são alguns dos estilos pelos quais o músico transita. Em 2006, George Lacerda recebeu o Prêmio Melhor Intérprete no Festival de Forró de Itaúnas/ES. Em 2007 recebeu prêmio no Festival de Música Popular da CUT/DF, pela interpretação do rock Mais Sujo que Lixão, do cantor e compositor brasiliense Alex Souza, gravado no disco George Lacerda e Marambaia. Sua versatilidade o levou a tocar com artistas como Jair Rodrigues, Trio Irakitan, Antônio Carlos e Jocafi, Hamilton de Holanda, BNegão, Otto, Gaby Amarantos, Fernanda Takai, entre diversos outros nomes. Como cantor e percussionista viajou pelo Paraguai, Uruguai, Colômbia, EUA, Canadá, Mali, França, Holanda, Suíça, Argélia e Espanha, levando a música do Brasil. Nesses países também ministrou oficinas de percussão brasileira em festivais, escolas e universidades. No samba, George tocou com importantes nomes como Noca da Portela, Hermínio Bello de Carvalho, Jair Rodrigues, Walter Alfaiate, Teresa Cristina, Mart’nália.

IV Circuito Instrumental Itinerante – shows com Dona Gracinha da Sanfona, Sai da Frente e George Lacerda

Data: 27 de maio (sábado)
Horário: a partir das 14h
Local: Coreto da quadra 1303 (ao lado do Quiosque da Rosa)

Fonte: Tato Comunicação
Foto: Marcelo Dischinger
SERVIÇOS

Local: Coreto da quadra 1303 do Cruzeiro
Endereço: Ao lado do Quiosque da Rosa - Cruzeiro - Brasília
Telefone do Local: ---
Data: 27/05/2017
Ponto(s) de Venda(s):
Acesso livre
Valor dos Ingressos:
Acesso livre



Leia mais sobre: Eventos de Música
ultimas
Desenvolvido por: Logo PortalBSB © 2000/2017 - Portal BSB Soluções em Internet | Certificado de Acessibilidade validado pela W3C na modalidade máxima WAI-AAAA e WCAG 1.0 | Certificado de Acessibilidade do código CSS validado pela W3C | Certificado de Acessibilidade validado pelo Acesso Brasil